Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

The Booklovers

Escritores, escritores e escritores. Um projecto fotográfico de Fernando Dinis

The Booklovers

Escritores, escritores e escritores. Um projecto fotográfico de Fernando Dinis

Raquel Ochoa

DSC_1600.jpg

DSC_1628.jpg

DSC_1652.jpg

DSC_1667.jpg

DSC_1723.jpg

Raquel Ochoa é uma escritora portuguesa. Em 2009 foi vencedora do Prémio Agustina Bessa-Luís com o romance "A Casa-Comboio", trazendo ao grande público a saga de uma família indo-portuguesa originária de Damão e a epopeia da desconhecida ou ignorada Índia Portuguesa, traduzido e publicado em Itália.

Nasceu em Lisboa em 1980. Licenciou-se em Direito.

Cronista de viagens, publica impressões sobre os vários cantos do mundo no seu blog www.omundoleseaviajar.blogspot.com, além de colaborar com diversos jornais e revistas.

Em 2008 publicou duas obras, “O Vento dos Outros” – uma crónica de viagens à América do Sul e “Bana – Uma vida a cantar Cabo Verde” , a biografia do cantor.

Em 2011 lançou a sua quarta obra, “A Infanta Rebelde”, a biografia da Infanta D. Maria Adelaide de Bragança, condecorada pelo Presidente da República com a Ordem de Mérito Civil.

O seu segundo romance, "Sem Fim à Vista - a viagem" chegou a público em Setembro de 2012. Relata a aventura de um personagem com graves problemas cardíacos em viagem por Singapura, Malásia, Indonésia, Austrália, Nova Zelândia, Hong Kong, Macau, Sri Lanka.

Em Maio de 2014 publica "Mar Humano", um romance histórico que reflecte sobre o jornalismo que se praticou e pratica em Portugal, ao mesmo tempo que junta temas tão díspares como a longevidade da vida humana e o impacto da ciência na evolução da consciência.

Em Julho de 2015 publica "As Noivas do Sultão", um romance histórico cuja narrativa se baseia em factos verídicos ocorridos em 1793 quando, arrastados por uma tempestade, chegaram a Lisboa embarcações com a família e o harém do sultão de Marrocos Mohamed III.

 

© Fernando Dinis - All rights reserved